O TEOSOFISTA, Junho de 2021

O TEOSOFISTA, Junho de 2021

 

O texto de capa da edição de junho “O Teosofista” examina o que pode haver em comum entre um mestre de sabedoria dos Himalaias e dois místicos cristãos de Portugal que viveram nos séculos 13 e 17. 

O parágrafo inicial do artigo pergunta:

“A sabedoria mística universal está presente tanto na cordilheira dos Himalaias como em qualquer país ocidental, e vive ao longo de todos os séculos. Mas será que ela pode ser popular? Estará ao alcance de todos?”

Estes são outros temas do Teosofista deste mês:

* Fontes Orientais da Sabedoria Cristã (p.2).

* Manuel Bernardes: A Lei do Carma na Mística Ocidental (p.3).

* O Evangelho Segundo Confúcio (p.4). 

* A Teosofia de Santo Antônio: Três Pontos em que a Cristandade Segue a Sabedoria Oriental Antiga (p.5).

* Os Ciclos de Trabalho e Descanso no Universo (p.9).

* Ideias ao Longo do Caminho: A Aura dos Livros Sagrados Muda a Atmosfera do Lugar em que Vivemos (p.11).

* Perguntas e Respostas: O Caminho Espiritual na Prática (p.13).

* A Musa do Céu – 05 (Conclusão): A Luz do Passado. As Revelações da Musa. Um texto de Camille Flammarion (p.16).

* Quem Foi Alice Leighton Cleather? – 01 (p.21). 

A edição tem 21 páginas e inclui a lista dos itens publicados recentemente nos websites associados.  

Clique Para Ler
“O Teosofista” de  Junho, em PDF

000

A coleção completa de “O Teosofista” está disponível nos websites associados.

000